BLOG

Este é nosso espaço para falarmos um pouco mais sobre Dificuldades e Transtornos de Aprendizagem. Aqui, compartilharemos artigos, tiraremos dúvidas e daremos dicas sobre o assunto.

Começando uma conversa sobre o Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade TDAH

POSTADO POR META | 21/01/2019

Para começarmos a falar da dificuldade que esse transtorno acarreta, vamos pensar em como temos que dirigir nossa atenção em nosso dia-a-dia, considerando o enorme número de estímulos a que estamos expostos ao mesmo tempo.
Para uma atividade mental organizada, onde possamos resolver os problemas diários, desde os mais simples aos mais complexos, precisamos primeiramente selecionar o estímulo que é relevante para levar a cabo o que estamos realizando e ignorar a maioria dos outros estímulos presentes naquele momento, seja ele de natureza visual, auditiva, olfativa, gustativa ou tátil. Isso quando pensamos nos estímulos externos, pois temos que contar que a todo momento também somos invadidos por estímulos internos, como um pensamento ou uma lembrança.
Em alguns momentos será necessário que a nossa atenção precise passar de um estímulo a outro, como por exemplo, em sala de aula, quando o aluno anota o que o professor está mostrando no quadro ou em um slide e ao mesmo tempo acompanha o que ele está dizendo. Em seguida o colega ao lado, conta uma piada e através de um comportamento ou uma fala que provoca risos, altera a direção do seu foco, pelo estímulo visual ou sonoro provocado. O aluno interrompe momentaneamente o que está fazendo, mas precisa, depois de instantes, voltar a atenção ao professor, e manter-se nessa atitude por um intervalo de tempo prolongado, pois precisa entender o conteúdo que está sendo apresentado.
Como conseguimos redirecionar nosso foco atencional tantas vezes e durante tanto tempo de nosso dia?
Para que isso aconteça há o recrutamento de vários sistemas neurotransmissores de uma parte do nosso cérebro, o lobo frontal, envolvido nas funções executivas.
Vamos entender o que é o TDAH?
Ele é classificado como um transtorno do neurodesenvolvimento, ou seja, tem sua origem na alteração neurológica nesses sistemas de neurotransmissores que falamos acima. É estimado que ocorra entre 4% a 7% das crianças no mundo todo, havendo evidências de haver um componente genético.
O que ocorre é a diminuição da capacidade de atenção, o aumento na impulsividade e presença de hiperatividade que persistem ao longo do tempo, em várias situações, com frequência e severidade maiores do que o esperado para as crianças no mesmo nível de desenvolvimento, que acarretam prejuízos em dois ou mais contextos diferentes, por exemplo, em casa e na escola. Conseguimos perceber que a agitação e a desatenção são preponderantes e direcionam o comportamento da criança na maior parte do tempo, principalmente quando comparamos com outras crianças da mesma idade.
Não existem exames laboratoriais ou de imagem que possam esclarecer o diagnóstico do TDAH. Dessa forma, dizemos que esse diagnóstico é clínico. É necessária a observação do comportamento nos vários ambientes que a criança frequenta, além de entrevista e utilização de escalas com os pais e professores. Também pode ser solicitada pelos médicos uma avaliação neuropsicológica, a fim de esclarecimento sobre o diagnóstico, uma vez que a desatenção em si, não é exclusiva desse transtorno, sendo necessária a exclusão de outros quadros possíveis em que a dificuldade de atenção é um dos sintomas.
Quais os tipos de TDAH?
- Predominantemente desatento, quando os sintomas de desatenção são os mais frequentes.
- Predominantemente hiperativo/impulsivo, quando os sintomas de hiperatividade são os mais frequentes.
- Combinado, quando existem com alta frequência tanto desatenção quanto hiperatividade e impulsividade.
O TDAH impacta em vários aspectos da vida tais como relações interpessoais, familiares, desempenho escolar e profissional e formação da autoimagem. Considerando a importância desse tema continuaremos a discuti-lo nos diferentes contextos, com ênfase no ambiente escolar.

Equipe Meta

Imagem: Designed by Rawpixel.com

Comentários:

Posts relacionados:

Deixe seu comentário:

Seu e-mail não será publicado. Os campos com (*) são obrigatórios.

Comentário: *
Nome: *
E-mail: *


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0